29 fevereiro 2012

Resenhas | Príncipe Sombrio

Boa noite amores ! Como prometi a vocês hoje tem resenha.
Então vamos lá?

Príncipe Sombrio


Sinopse
*


Título Original: Dark Prince
Autor: Christine Feehan
Tradução: Alyne Azuma
Editora: Universo dos Livros
Gênero: Vampiros, Ficção
Páginas: 458


Minha resenha :

Tracinhas, esqueçam os vampiros normais que conhecemos, os nosferatu da vida, ou os que brilham feito glitter...(sem preconceito, adoro glitter, sou perua...rs).

No livro Príncipe Sombrio vocês vão descobrir uma nova raça, os Cárpatos (sensuais, amantes fiéis e apaixonados pelas suas mulheres ...yupiii!), tá parei .
Eles são uma espécie de humanos melhorada, ou seria de vampiros? Eles são seres da terra, amantes da natureza, são seres soberbos, lindos e fortes. Da terra(solo) retiram energia, se purificam, se restauram, física e espiritualmente. Das plantas e ervas eles tiram os remédios, os incensos e a cura.
Os Cárpatos são extremamente inteligentes, são homens que ao passar dos séculos acumularam riqueza cultural e financeira. Então...ui, são lindos, sexy e ricos. Pode? ( preciso de foco ...errr...).
Em seu mundo ,quer dizer, entre eles há leis próprias e códigos de conduta e honra. E tb uma hierarquia.

-Bom, e aí Vivi, porque você falou sobre vampiros então? Cadê o sangue e as presas?
Sabe porque tracinhas? É que os Cárpatos sobrevivem consumindo sangue, sim, são vampiros, mas vampiros com upgrade ...rsrsrs, e eles tem presas também (ovulei, aiaiai...).
Eles não matam para obter seu alimento precioso, por isso são superiores e melhorados no meu ponto de vista. Eles simplesmente "seduzem" ou hipnotizam suas vítimas, não causando a elas um mal maior, ou a morte. E depois de terem seu sangue sugado as vítimas não se lembram o que lhes aconteceu.
Eles estão quase extintos, sua raça quase nunca procria, suas mulheres sempre abortam, ou quanto levam a gravidez a termo a criança morre ao nascer, ou mesmo morrem antes de completarem um ano. Esse fato, somado ao que eles não conseguem engravidar humanas ( e nem transformá-las em cárpato também, após a transformação as mulheres humanas ficam loucas),tem levado os machos da raça a cometerem suicídio. Desistindo assim de sua eternidade dão um basta a solidão, ou o que para eles é o pior, tornarem-se realmente os vampiros das lendas.
Abraçar o vampirismo em sua forma mais sombria que conhecemos é o futuro de quem não encontra o verdadeiro amor de uma mulher. Eles se enclausuram num mundo cinza e sem graça, e começam a matar.
Matam suas vítimas, as usando como se fossem gado, e assim, quando um Cárpato mata ele fica forte, fica monstruoso, digamos que ele fica com a alma escura, eles se tornam vampiros dementes e cada vez mais sem compaixão pela raça humana.
E é por isso que nosso protagonista lindo e umidificante pensa em morrer. As coisas para Mikhail não estão fáceis, ele vê sua raça em extinção, ele sente seu coração frio e sem perspectiva, e seu mundo cada vez mais cinza. As coisas se sucedem de tal forma que esse Rei decide que não quer mais viver, Mikhail é o rei de seu povo, ele é a lei, mas está doente de solidão.
Desse desespero nasce uma linda historia de amor .
Raven é uma garota sensitiva/telepata, de compleição miúda e de boa índole ela usa seu dom a favor da justiça,  com a telepatia ela ajuda a polícia encontrar assassinos em série, e é por isso que está de férias na Romênia, mas precisamente na região dos Cárpatos.
Ela pretende renovar suas energias psíquicas depois de resolver um caso escabroso nos Estados Unidos, onde mora.
Numa noite, descansando no hotel ela sente os pensamentos destrutivos de Mikhail, e tenta ajudá-lo, ele, percebendo com curiosidade que uma simples humana tem capacidade  telepática como a de seu povo, intensifica essa conexão, e sabendo o quanto essa concentração telepática é dolorosa para Raven(ela sofre de horrendas dores de cabeça), ele à partir desse momento também tenta ajudá-la e resolve conhecê-la pessoalmente.
Nasce então uma paixão desenfreada e sem limites por parte desse vampiro/homem maravilhoso.
Ele a seduz, ele a conquista, cuida dela com tanto amor que chega a dar inveja na gente. Mikhail fica desesperadamente apaixonado por Raven e ela fica muito...muito amedrontada.
Ela não sabe como agir, o que fazer, e nem o que está sentindo, embora essa confusão de sentimentos não a impeçam de se entregar ao amor e ao sexo pleno e inevitável.
O livro tem cenas de sexo muito...muito calientes, a escritora é bem criativa, e tudo é de bom gosto e instigante. Desculpem-me o vocabulário tosco, mas nossos dois protagonistas parecem que vivem no cio ...rsrsrs
A autora também sabe fazer seu personagem masculino demonstrar seu amor, e de forma lenta e constante ele conquista e ganha a confiança da mocinha, e olha, na minha opinião ele tem uma paciência imensa. Ele quer Raven, ele quer seu corpo, sua alma, a quer como esposa, e isso basta para fazê-lo lutar contra tudo e todos por ela.
A trama se desenrola sem pressa e de forma gostosa de ler, com muitos diálogos e vários personagens coadjuvantes interessantes também. Raven me deixou nervosa em muitos momentos, com sua insegurança boba , fazendo com que muitas vezes a história se tornasse morna e repetitiva. Mas nada que Mikhail não tenha resolvido, com seu temperamento caliente again.
Confesso que esperava mais, talvez por ter literalmente babado na capa quando a editora divulgou o livro, enfim... também não me decepcionei, li em muitos blogs comentários negativos, mas achei o livro interessante, pois adoro romances apaixonados e mais lentinhos, quem curte esse estilo com certeza vai gostar muito de ler Príncipe Sombrio.



Ps.: Pessoal, lendo o livro percebi muito erros de ortografia, de impressão(erros de português em geral), fiquei muito triste, porque a Universo dos livros prima pela qualidade, e em todos os livros que li da editora nunca  encontrei nada parecido, então o que fiz?
Entrei em contato  com o pessoal da editora, óbvio, pois tenho que ser honesta com vocês, o blog prima por isso também.
Daí me informaram o seguinte: Que a equipe da Universo dos livros está ciente desses erros e que lamenta muito por isso, e que reformularam toda equipe editorial para que esses erros não aconteçam mais. E que nas próximas edições ( sem data prevista) todos os erros não irão mais acontecer. 
O Tatiany é show gente, e sempre  pronta a atender aos meus emails e minhas dúvidas, então tenho certeza que vão cuidar com muito carinho de todos os livros para que isso não ocorra mais, não somente com o Príncipe Sombrio, mas em todas os lançamentos, todos os livros.


Beijos da Vivi Blood.



*( Saí da rotina de colocar o fundo da sinopse em lilás hoje, pra mudar um pouco, e também porque achei legal por ser um livro sobre essa raça vampírica.)















Comente com o Facebook:

25 comentários:

  1. Adorei! Parece ser bem diferente! Uma pena que tenha erros de ortografia, espero que nas próximas edições eles corrijam!
    bjaooooo

    http://olhosleem.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. uaaaau, que história hein ? rs curti muitão Vivi *-----------* Ótima resenha fofs beijokas do Jú \(º . º)/

    ResponderExcluir
  3. Muito obrigada vocês por compreenderem tudo isso!

    beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi Vivi, amei a resenha
    eu estava na dúvida se iria ler esse livro, mas fiquei bem curiosa.
    Vou esperar a editora lançar uma nova edição, porque esses errinhos me incomodam bastante.
    bjos

    ResponderExcluir
  5. Ai só de ler já estou caliente de desejo por ele,Romances assim mais demorados na trama são mais gostosos de ler.Ao meu gosto pelo menos,rsrsrs mas esse Cárpato só pelo peitoral minha cara Vivi hein (como vc diz ovulei)kkkkk.
    Amei td de bom super Bjão,
    Alexandra

    ResponderExcluir
  6. Primeiro quero dizer que você quase me matou ontem de noite só por mencionar que estava fazendo a resenha... rs

    Tá! Amei essa raça! rs
    Ponto extra por terem presas!!! hehe
    Gostei do livro abordar que eles se alimentam sem a necessidade de matar e também pelo fato de que com a raça em extinção alguns acabam se entregando ao lado oculto do vampirismo.
    Outro ponto extra: a estória se passa na Romênia!!!
    Nossa Vivi! O amor deles parece ser lindo, profundo e tentador!

    Gamei na sua resenha! A maioria das resenhas que li foram negativas, mas a sua me fez continuar forte na decisão de que vou ler esse livro. O que me faz lembrar que tenho que começar a ler IAN.

    BjO

    http://the-sook.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá,
    Faz tempo que quero ler esse livro mas ainda não tive tempo.
    Sua resenha que como sempre estava excelente só me deixou mas curiosa.
    *bye*
    loucaporromances.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Vivi,

    Gostei da sua resenha e da sua verdade frente a editora. Não sou fã de livros desse gênero, mas a trama tem lá os seu encantos.

    Beijos e boa sexta!

    Lu

    ResponderExcluir
  9. Vivi, bem ao ponto que eu gosto caliente, gostei muito da sua resenha, acho que vou comprar o livro, nunca tinha me interessado por este livro, mais gostei pela sua resenha e pelos pontos positivos q vc mostrou..
    Gostei do que voce falou q parece q eles vivem no cio =X
    hehehe

    Háaa para de falar do gliter... ta falando do Eduard!!
    hehehehehe
    beijoss
    http://dailyofbooks.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. *0* curiosa master pra ler...
    Serio... Parece ser muito bom.
    Essa raça me interessou hohoh e ganharam pontinhos extra por terem presas haa xD

    ResponderExcluir
  11. Apesar de ser uma série muito bem falada e lida pela blogosfera, eu ainda não li nenhum deles, até tenho curiosidade mas até agora não comprei nenhum dos livros, quem sabe em breve não é mesmo.

    Vanessa - Balaio

    ResponderExcluir
  12. Não sou muito fã de vampiros e seres místicos, acho que Crepúsculo e essa onda de vampiros que deixaram meio enjoada mas parabéns pela resenha, o blog tá lindo :D

    Beijos!
    http://eraumavez-livros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. O que dizer? Fiquei suuuuuper interessada! Vc já havia me falado sobre ele, né? Ou foi a Blake?Lembro-me que perguntei (pra uma de vcs duas) se ele lembrava a saga IAN, da JR. Ward... aiaiai... suspiros!

    bjks

    ResponderExcluir
  14. Amei sua resenha, e cá entre nós (e todos que lerem rsrsr) eu gosto muito de livros assim com cenas caliente e casais no cio rsrsrrs O livro não só tem uma capa linda como uma sinopse fabulosa não é?! Beijinhos e mais uma vez parabéns pela ótima resenha.
    Raquel Miranda - Nós e Livros

    ResponderExcluir
  15. Oiii
    Nossa Vivi, me tirou o fólego a sua resenha, arrasou :) Acredita que tenho TODOS os livros da séria(os lançados no Brasil) e não li nenhunzinho ainda? Agora fiquei mais que curiosa e quero ler logo, espero que a minha fila de leitura ande logo rsrs
    Beijus *.*
    Vivi - Críticas de uma leitora

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vívian querida, acho que vc está confundindo, esse é o primeiro livro da série Os Cárpatos lançados no Brasil pela Universo dos livros.
      Ainda não lançaram outros.
      Vc deve estar confundindo com a Série IAN ...rsrs

      Excluir
  16. Parabéns pela resenha, vivi! me deixou com muita vontade de ler o livro.
    beijinhos

    ResponderExcluir
  17. Oi!

    Bom, desculpa estar mandando este comentário, mas é que com esta mudança do GFC, acabou sumindo meu gadget antigo e gostaria muito que você me seguisse novamente para não perdermos os contato, o que acha? (:

    Um beijão,
    Pronome Interrogativo.
    http://www.pronomeinterrogativo.com

    ResponderExcluir
  18. Olá Vivi!!

    Acredita que eu nunca li N-A-D-A de vampiros!!Nem dos que brilham...rs..só vi o filme!!
    Comprei o box dos 3 primeiros da Irmandade da Adaga Negra, vc ja leu? é bom?
    Estou tomando coragem..hehe

    Gostei da resenha, acho que leria este.

    Bjãooo!!
    http://my-literarylife.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  19. A capa é perfeita! Linda mesmo...
    Espero poder ler um dia... Minha lista tá tão grande que nem sei.
    Bela resenha.
    Passa lá no blog, tem post novo falando do livro "O Verão e a Cidade."
    Te espero lá.
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Uma resenha bem feita amiga Viviane.Não é o tipo de leitura que tenho hábito,mas a história deve cativar as mulheres.
    Abraço do seu amigo Paulo.

    ResponderExcluir
  21. Olá Vivi!
    Uau que sinopse hein?
    Não conhecia suficientemente bem o livro e através da sua resenha posso dizer que gostei muito e vou querer ler.
    Um Abraço!

    Bruno
    http://oexploradorcultural.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Vivi que resenha é essa miga? Primeiro, morri de rir com suas alterações de falas, destacando explícitamente os sentimentos...foi hilário isso! kkk
    Segundo eu gostei bastante da resenha, pq deu pra ver o tanto que vc achou bom o livro...mas bom em outro sentido... ficou bem animadinha heim! kkk
    Poxa vida, se estes vampiros são uma raça evoluída dos nossos assassinos e sugadores de sangue, pelo amor amiga, me empresta pra eu conhecê-los tmbm! =)
    E claro que vou prezar bastante a leitura, pois só o fato de eles serem uns deuses sedutores, já me deixa morrendo de vontade de ler (mesmo não sendo fã de romances).
    Ótima resenha flor! Adorei o tal do "brilham feito gliter", foi d+! =D
    Beijokas...

    ResponderExcluir
  23. OMG Viviane... Amei essa resenha, fiquei super curiosa para ler o livro, esse livro é a minha cara... Quero mto lê-lo. Suas resenhas me seduzem! Hehehe' *oo*'

    ResponderExcluir
  24. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Seu comentário é importante para o blog, para que ele seja sempre melhor, se você se expressa as coisas fluem.Obrigada !!

*.* Curtam a fan page do blog no Facebook galera \o


Layout: Bia Rodrigues | Ilustração: Sheila Lima Wing | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©